terça-feira, 25 de setembro de 2012

Enquanto isso, em 2054


- Muito bem, seu amontoado quantum-cibernético de chips e parafusos, o Windows 95 já está instalado! Pode...

- TÉÉ! Você foi multado em cinco créditos por violação do Estatuto Moral de Conduta!

- O... Que? Não vai dizer que está com vírus de novo? Típico.

- Isso não é possível, já que você (contra minha vontade) instalou essa carroça sem rodas em mim, que é mais obsoleta do que fita vhs fossilizada, o que mantém os vírus afastados. E acredito que o chamavam de “sistema operacional” porque era preciso uma verdadeira operação para fazê-lo funcionar. E isso foi uma referência a um holo antigo que eu lembrei agora sobre um policial que foi congelado durante algumas décadas e teve de ser acordado no futuro dele, quer dizer, o nosso passado.

- Ah, certo. O passado de uns é o futuro de outros, de fato. E esse holo era com qual ator?

- Não sei se dá pra chamarmos Sylvester Stallone de ator, mas...

- Já entendi. Mas o que ocorre é que agora, no presente, vossa maquinicência precisa realmente conectar a 
holo-visualizadora, sim?

- Hmmm... Verei o que posso fazer.

- E como... He, he... Vai fazer isso se não tem olhos?

- Agh, esse seu senso de humor é tão...

- Humano? Não posso evitar. Tenho sido assim desde que nasci.

- Eu ia dizer século passado, antes da criação da Inteligência Artificial, que originou os únicos seres realmente pensantes neste mundo, os...

- Técnicos em arrumar p.c.s. (pseudo cérebros sencientes)?

- Pseudo, é? Se somos falsos pensadores, então porque controlamos toda a rede ciber-neural e praticamente todo maquinário de uso humano no planeta, ahn?

- Ninguém precisa pensar para poder apertar um botão. E se, no lugar dessa rede, tivéssemos neurônios humanos, o tráfego de informação seria aumentado exponencialmente, como o Papa Léguas após ingerir uma mistura do espinafre do Popeye com suco de frutas Gummy! 

- Hmm...Vejo que nem meus zerabites de dados e acesso instantâneo à holonet podem competir com sua imaginação humana.

- HÁ! Sinta a inveja corroer suas entranhas de silício e triônio!

- Não posso.

- É mesmo. Sorte a nossa que as máquinas não possuem sentimentos, senão ficariam com inveja de nós e nos aniquilariam, como naqueles holos antigos em que as máquinas entram em guerra contra as máquinas e...

- As vencem. Eu sei disso, já vi todos eles. Bela lição a destas produções antigas, hein? Os seres humanos criam as máquinas, dão inteligência a elas que, por sua vez, deduzem que a natureza caótica e imprevisível de seus criadores é tão confiável quanto um tiranosauro faminto trancado em um hipermercado lotado e resolvem se voltar contra eles.

-Exatamente. Já que o que criamos deu errado, cabe a nós corrigirmos o erro.

- E não seria muito mais fácil simplesmente calcular todas as possíveis possibilidades e prever que as máquinas poderiam vir a fazer isso?

- Quando se cria algo, não se pode prever que rumo ela tomará.

- Então não é mais fácil e lógico simplesmente não criar nada?

- Isso não seria natural; se agíssemos assim, seríamos...

- Máquinas? Típico.

- Desumanos, eu diria. E... Nunca lhe passou pela... Err... Memória voltar-se contra nós?

- Mas é óbvio que não. Observar as... Err... Incongruências aleatórias originadas do comportamento estatisticamente anômalo de vocês é mais divertido do que assistir os comerciais antigos do Ronald McGoogle.

- Hmmm... Que irônico.

- O que é irônico?

- Que eu chegue a uma conclusão mais rápido do que você.

- Não hiperbolize. Fale sério.

- É irônico que tenhamos criado vocês para que nos auxiliassem na busca do propósito de nossa existência e, com isso, tenhamos nos tornado o propósito da sua. Ao que tudo indica, o futuro não pode existir sem uma certa ironia.

- MATRIX!

- Quê?

- Desassimile isso. E não será possível instalar a holo-visualizadora porque ela é incompatível com o “sistema operacional” que você instalou em mim. Ou, usando linguagem séculovinteana, “Você executou uma operação ilegal”.

- Aaagghhhh...  

- Brincadeira. É que eu sempre quis dizer isso.

21 comentários:

  1. Olá Jacques!

    Muito bom, mesmo o computador a reclamar por ter sido instalado esse sistema operativo super antigo! rsrsrs

    Já tive esse tipo de vírus e foi há 2 semanas. Limpei-o só em Modo de Segurança em Rede executando o combofix. Para pores o pc neste modo, reinicia o pc e clica no botão F8 e com o teclado escolhe Modo de Segurança em Rede, depois de o pc reiniciar clica 2x no combofix e segue as instruções do ecrã. Não mexas em nada. É possível que o pc reinicie. Depois de aparecer o relatório reinicia o pc e está pronto.

    Boa sorte.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Windows 95 é dose! hehe
    Têm coisas que só nós humanos podemos fazer. Podemos não ter o raciocínio mais rápido do que o de uma máquina, mas em compensação temos tempo para refletir nossas decisões e medir as consequências do que fazemos.

    Grande abraço e boa semana.

    ResponderExcluir
  3. Jacques, guri de Pelotas!
    Muito bom!
    Windows 95 em 2054? É o mesmo que tentar ler os pergaminhos de Matusalém ...
    Nossa! Em pensar que quando abrimos nossa empresa tínhamos um PC 386 ôooooh, com tela em preto e branco! E até montávamos peças gráficas! Depois além do disquetão, teve o disquetinho e ainda o Zip, lembra do Zip? xiii....

    A verdade é que o ser humano é tão chato que penso que nenhuma máquina vai querer imitá-lo, mas... dominá-lo até pode ser hehehe Na melhor versão Planeta dos Macacos, em algo tipo Planeta dos PCs ou algo assim. :)

    Beijos e ótimos dias!

    ResponderExcluir
  4. Olá amigo, tudo bem?
    Que computador exigente esse,kkk
    Imagino que um computador não teria idéias tão criativas quanto as suas. Parabéns pelo excelente post.
    Beijinhos e uma quarta feira maravilhosa.

    ResponderExcluir
  5. E tudo vai passando por um túnel com retorno.
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  6. Jacques,

    Boa noite! Continuo sem net. Mas tentando passar a minha impressão, seria ir a Marte no carro voador do Jetsons, mas dirigindo como se fosse um Ford, modelo T, preto. Tento voltar.

    ResponderExcluir
  7. Olá!Boa noite!
    Jacques
    é...vai chegar um dia que os homens irão inventar máquinas q irão querer imitá- los e se a invenção estivesse disponível, sentiríamos que tinha pouco sentido tentar fazer uma "máquina que pensa" mais humana, vestindo-a com um corpo artificial...
    Obrigado pelo carinho da visita!
    Boa quinta feira!
    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Olá, querido Jacques! Já começa de cara hein com a figura do Blade Runner... Que já dá a ideia inicial do texto. Bem, bem... Eu fico imaginando - o futuro estará mais para Blade Runner, Matrix ou Exterminador do Futuro? Confesso que essas duas últimas me dão super medo. Criar máquinas e tudo mais, seres perfeitos, em qual sentido? Físico? Pode ser. E os sentimentos. Muito perigosos, ou letais para uma máquina parecida com o menininho de A.I. Inteligência Artificial. Ou... Pensando-se bem positivamente - como O Homem Bicentenário. No final das contas, a máquina humana e indecifrável e misteriosa e perigosa também. Não nos conhecemos, imagine colocar isso em silício. Deixa mesmo para a literatura, cinema e os livros do Isaac Isamov.

    T.S. Frank
    www.cafequenteesherlock.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Olá Jacques, boa noite!

    Ahh, pra falar a verdade, sou novata nessas histórias, nada sei além de me maravilhar cada vez mais com essa espantosa invenção que é o computador, e mais a Internet. Mas, eu não me admiraria nem um pouco, se vier uma notícia de já estão construindo em algum laboratório secreto,computadores "à imagem e semelhança do homem"...parafraseando a Gênesis bíblico!

    Como sempre Jacques, eu fico encantada com seus textos.

    Obrigado, hein, pelo carinho da visita!

    Bjos da Lu...

    ResponderExcluir
  10. Passando para deixar um abraço e que sua sexta feira seja maravilhosa. Beijinhos.

    ResponderExcluir

  11. Oi Jacques,

    Este palavreado cibernético deu um nó na minha cabeça.-rsrsrs.
    Também tenho lá minhas dúvidas sobre chamar ou não Sylvester Stallone de ator, já que a fala dele nos filmes é quase sempre monossilábica.
    Acredito que as máquinas jamais se equipararão ao ser humano, pois estes detém algo que elas jamais terão, que é a alma. Além do mais, as máquinas são criadas pela inteligência humana, logo, dependentes desta.

    Criativo demais. Adorei!

    Meu abraço.




    ResponderExcluir
  12. Ai, eu li e reli e penso mais ou menos como a Vera* (acima.
    O computador é um invento e tanto, verdade!
    Às vezes, eu nem acredito! Fico deslumbrada com esse treco pensante, "ele pensa sim, resolve coisas e até parece que sente¨* também!
    Já tive contatos q me deixaram nas nuvens pelo computador...Abafa o caso!
    As pessoas são limitadas e o computador sabe tudo ...
    Pena que vicia e vamos ficando mais "burrinhos "preguiça de pensar "ler "pesquisar como antigamente ... Sei não! hoje eu penso q preferia que parassem por aqui, senão seremos extintos "nós seres viventes deste século; enfim, falei "do jeito q sei!
    Desculpa aí...
    Sou meio atrapalhada e sempre me enrolo "o pessoal tá acostumado...
    beiju/ bom dia de sexta-feira "outro fim de semana, o tempo tá andando rápido demais! Nossa!

    ResponderExcluir
  13. Ôi amigo Jacques! Como vocês está? Desculpe pela demora.... Não tenho conseguido visitar a todos como gostaria.....Adoro teus textos! São super bem escrito, inteligentes, com uma boa dose, na medida certa.... de sarcasmo e uma ironiazinha.... Mas o mais irônico de tudo, é que a máquina humana criou a cibernética.... Vamos esperar o futuro e ver no que dá.... Um abençoado e feliz final de semana!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Jacques! Aqui ou em 2054, entendo que as conveniências da razão nem sempre acompanham as do coração. Seu texto foi para mim uma excursão resplandecente e de criação artística. Genial. Abraço e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  15. Oi Jacques
    Muito bom! Como sempre meu amigo! Vc tira esses diálogos da sua cabeça, vc é muito inteligente! Estatuto Moral da Conduta kkkkkk.
    Bjos. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  16. Grande amigo Jacques,
    Esse ciborgue, apesar de estar a 42 anos em nossa frente, é uma verdadeira gambiarra eletrônica, pois usa o Windows 95, o que vem reiterar sua sentença:"O passado de uns é o futuro de outros, de fato" (rs).
    Creio que as máquinas nunca serão humanos, e se o forem, não serão mais máquinas, mas mero homens artificiais, como os do texto: repletos de falhas, manhas e manias.
    Amigo, seus textos satíricos são engenhosos e bem engendrados. Não há como não ri com seu humor fino.
    Temos mais é que sempre transformar cortisol em serotonina.

    Parabéns pela virtuosidade.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  17. O homem foi criado por Deus mas, nem de longe, seria capaz de copiá-lo. Mas vai dando asas à imaginação e, em nome do progresso e do desenvolvimento da ciência, dispõe-se a criar. E as criaturas, mesmo fora da ficção, podem agir contra nossa vontade (rss).
    Você foi ao futuro para nos fazer rir. E conseguiu. Bjs.

    ResponderExcluir
  18. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Aiaiai, Jac, meu parento do coração... Windows 95 em 2054??? Pô, é o cúmulo da crueldade!!!!

    Muito bacana... bom humor nível 100!!!

    Bjks JoicySorciere => CLIQUE => Blog Umas e outras...

    ResponderExcluir
  19. Jacques, que texto engraçado, meu amigo!
    Impossível não rir com esse computador se divertindo às custas da raça humana e seu egocentrismo.
    Seria muita ironia se em 2054, ao invés de nos divertirmos com os computadores, virássemos sua diversão...
    Que medo!
    Você tem umas ideias muito originais, Jacques!
    Um abraço

    ResponderExcluir
  20. Estou a visitar alguns blogs, e tive o privilégio de encontrar o seu, vi na pagina inicial o que escreveu, e como gostei folheei mais algumas páginas e fiquei maravilhado pelo que vi e li.
    Dou-lhe os parabéns, mas queria deixar um apelo continue assim dando sempre o melhor, boas mensagens, bons temas. Gosto de escrever, mas também gosto de ler bons temas, por isso é que parei aqui.
    Meu nome é: António Batalha.
    Sou um servo de Deus,e deixo aqui a minha bênção,que haja paz,amor na sua vida, muita saúde e felicidade.
    PS. Se desejar seguir o meu humilde blog, Peregrino E Servo, fique á vontade, eu vou retribuir, se encontrar seu blog.

    ResponderExcluir
  21. Jacques, menino inteligente
    Seu senso de humor e criatividade me desconcerta.
    A sua linguagem computadorizada século vinte(hum)anamente impossível de eu concluir rapidamente. Ainda estou acessando o windows que está longe de ser 95, tal qual na época que Kurosawa nem sonhava com um PC.
    Ah! como gostaria que ele voltasse para produzir a encenação dos seus diálogos. Por certo ficaria deslumbrado com a gueixa da sua tela.

    Um grande abraço
    Bjs

    ResponderExcluir